Bate- Papo: Alexande Herchcovitch e Lilian Pacce.

                               

 Na sequência, o bate- papo entre o empresário e estilista Alexandre Herchcovitch e a apresentadora e editora de moda do GNT Fashion Lilian Pacce seguiu a mesma lógica: " tem que ser do tamanho que você é." Ale  e " Para você mandar, você tem que ter feito." Lilian
    Achei extremamente relevante o bate- papo: " Você não pode ser engolido pela parte administrativa, sobra pouco tempo para cria." Ale; "Paixão do dono, do curador, fazer o olho brilhar é o segredo da marca." Lilian
     Lilian: O look total é desnecessário, pode ser feito um mix com talento e sensibilidade. Valorizar o reaproveitamento, desperdiçar não é chique. Atendimento e informação de moda para vendedores, responsáveis pela imprensa, treinamento do vendedor, valorização de toda a equipe. Cuidado!!! De repente o cliente sabe mais que o vendedor.
      Alexandre; Oferecer o diferente, como por exemplo, marcar os consertos das roupas...
      Segundo a mediadora Tatiane Alves,. sócia- proprietária da Compassing e consultora do Sebrae a Loja tem que ter sua identidade, aroma, trilha sonora, combinando com a marca, com o ambiente.
       Lilian: Você não vive na cola dos outros, você tem que ter a tua ideia. Quanto as multimarcas, fazer um espaço próprio de cada, ou divide por identidades, festas, jeans etc.  Muita gente vai ter orgulho de ser pequeno, artesanal, handmade. Fast Fashion é now, slow fashion, tem outra dimensão, é uma resposta ao fast fashion. Tem que olhar para dentro, fazer a tua própria história, olha muito para o lado, perde tempo. Use o tempo para criação, não para copiação.
        Ale: tem espaço para todo mundo.
        Lilian respondeu uma pergunta sobre exemplo de conduta chique: Crédito para funcionários, seguro saúde, refeitório.... (Olha só a profundidade da resposta). Devemos pensar sobre a origem do que consumimos. De onde vem? Sustentabilidade social? A empresa é correta, é honesta?
        Ale: Concorrência é saudável. A venda de máquinas assinala que as pessoas estão confeccionando mais no Brasil, o me deixa satisfeito.
        Lilian: temos que cuidar das nossas coisas. É importante ser costureira, modelista...
        Ale: Business que vai crescer muito é a reciclagem e o reaproveitamento.
        Lilian: Moda ligada a outras manifestações, arte, música....
        Tudo que transcrevi para esse post é tão profundo que equivale a um curso de graduação em termos de consciência, de rumo, de depoimento de vida, de trabalho. Ale e Lilian são profissionais, talentosos, com uma visão ampla da vida, não só da área da moda, mas tudo o que ela abrange e movimenta, empregos, negócios. O bate- papo vai ecoar!!!

0 comentários:

Postar um comentário